Um Livro

 

A dimensão religiosa sofre fortemente o impacto da cultura. Por consequência, a cultura urbana moderna bate de cheio contra o imaginário religioso tradicional, questionando-o ou mesmo desfazendo-o. Ao conhecer esse mundo cultural, ao menos de modo sumário, brotam perguntas de fé, às quais a Teologia fundamental trabalha.

 

A partir dessa afirmação, padre João Batista Libanio, (1932 – 2014), em Introdução à Teologia Fundamental, procurou abordar os elementos basilares dessa disciplina teológica, seu percurso histórico até a atualidade e suas perspectivas e desafios diante da evolução cultural e do quadro religioso contemporâneo.

 

De acordo com o autor, a Teologia Fundamental olha para o simples fiel ou para o iniciante do curso de teologia e pergunta: na condição sociocultural de hoje, que desafios o cristão enfrenta para crer com lucidez e honestidade?

 

“No espírito da teologia latino-americana, ela lança primeiro olhar para a situação real e concreta. Descobre valências positivas e negativas que interferem na compreensão da fé. E sobre ela reflete à luz do grande projeto salvador de Deus. Assim nasce a Teologia Fundamental”.

 

A obra é dividida em sete capítulos que discorrem sobre a situação cultural e religiosa atual, percurso da Teologia Fundamental e seus novos rumos, as portas de entrada e saída da fé católica. Padre Libanio também abordou o conceito de revelação no Antigo e no Novo Testamento, Concílio Vaticano I e II, e, entre outros temas relacionados, a origem da evangelização.

 

Padre João Batista Libanio, nesta última obra, sinaliza que a Teologia Fundamental assume hoje a grave missão de iluminar os católicos no que se refere à própria fé em meio à cultura altamente fragmentada e empastelada. Além disso, carece tocar a sensibilidade e a afetividade das pessoas, hoje mais sensíveis ao belo, ao prazer, ao condizente com o próprio afeto.

(extraído do site da editora Paulus)