Uma Música

 

Milton Nascimento

 

Cheguei a tempo de te ver acordar / Eu vim correndo à frente do sol
Abri a porta e antes de entrar / Revi a vida inteira

 

Pensei em tudo que é possível falar / Que sirva apenas para nós dois
Sinais de bem, desejos vitais / Pequenos fragmentos de luz

 

Falar da cor dos temporais / Do céu azul, das flores de abril
Pensar além do bem e do mal / Lembrar de coisas que ninguém viu
O mundo lá sempre a rodar / E em cima dele tudo vale
Quem sabe isso quer dizer amor, / Estrada de fazer o sonho acontecer

 

Pensei no tempo e era tempo demais / Você olhou sorrindo pra mim
Me acenou um beijo de paz / Virou minha cabeça

 

Eu simplesmente não consigo parar / Lá fora o dia já clareou
Mas se você quiser transformar / O ribeirão em braço de mar

 

Você vai ter que encontrar / Aonde nasce a fonte do ser
E perceber meu coração / Bater mais forte só por você
O mundo lá sempre a rodar, / E em cima dele tudo vale
Quem sabe isso quer dizer amor, / Estrada de fazer o sonho acontecer.

 

A música fala da preparação para (re)encontrar o(a) amado(a). 

Vale até chegar antes do sol, rever a vida, pensar no que contar...

Estar junto com o(a) amado(a) faz perder a noção do tempo, do mundo.

E para viver este amor será preciso descobrir a fonte do ser, o que é precioso:

o próprio amor lá dentro já instalado.

Não há nada determinado, o amor, ele mesmo, é uma estrada de fazer o sonho acontecer.

 

Lucimara Trevizan

Equipe do site

15.08.2013