Um Livro

 

 

Analisar a teoria criacionista por diversos vieses é o propósito dos professores de teologia Mario de França Miranda, da PUC-Rio, Mário Antônio Sanches e Cesar Kuzma, da PUCPR, organizadores do livro Age Deus no mundo? Múltiplas perspectivas teológicas. Publicado pela Editora PUC-Rio, em parceria com a Editora Reflexão, a obra é escrita por dez autores.

 

No capítulo “A ação de Deus no mundo segundo Karl Rahner”, o professor Mario França avalia uma frase de Rahner: “Deus atua o mundo e não no mundo”. O autor divide sua análise entre a ação de Deus na natureza e no ser humano, a partir do argumento de que toda realidade é manifestação de Deus.

A relação que existe entre Deus, o ser humano e o modo como acontece a ação de Deus no mundo é abordada no capítulo “A ação de Deus e sua realização na plenitude humana: uma abordagem escatológica na perspectiva de Jurgen Moltmann”, escrito por Cesar Kuzma. O autor descreve “ser cristão” como ter uma fé de advento, a espera do Deus que vem. Com isso, ele traça um paralelo direto com a teologia de Moltmann, a qual apresenta um Deus que vem ao encontro humano.

 

Mário Antônio Sanches fundamenta o capítulo “Evolução, diretividade ou acaso? Um diálogo entre teologia e biologia” em diferentes perspectivas teológicas no campo da criação e do desenvolvimento da espécie humana. Segundo Sanchez, Deus ama a criação como ela é e como ela se faz a cada instante, por isso não há um plano para ela ou uma determinada plenitude que ela tenha que atingir por mandato divino.

 

O livro reúne, ainda, artigos de mais sete autores: Mary Rute Gomes Esperandio (PUCPR); Sinivaldo Silva Tavares, OFM (Instituto Teológico Franciscano de Petrópolis); José Roque Jungues, SJ, (Unisinos); Haroldo Reimer (PUC Goiás); João Luis Fedel Gonçalves (Studium Theologicum, Faculdade Bagozzi e Vicentina); Wilhelm Wachholz (EST); e Geraldo Luiz de Mori, SJ (FAJE).

 

Equipe do site

19.11.2013