Uma Exposição

 

A exposição Arte no Vale do Jequitinhonha acontece até 29 de setembro, no Centro de Arte Popular Cemig, no Circuito Cultural da Praça da Liberdade. Apresenta 80 obras do Vale do Jequinhonha, que integram o acervo pessoal da colecionadora Priscila Freire (ex-diretora do museu de arte da Pampulha). São objetos adquiridos em diversas regiões do Vale, ao longo dos anos. 


O visitante terá a oportunidade de apreciar peças que revelam a pureza e o imaginário de artistas como Noemisa Batista dos Santos, Isabel Mendes da Cunha, Ulisses Pereira Chaves, Olinta Teixeira entre outros.

 

Para revelar ao visitante todo o encantamento por trás de algumas obras pontuais da coleção, Priscila Freire, que também é a curadora da exposição, imaginou uma sala toda negra, com iluminação feérica, sem qualquer tipo de interferência visual, dando destaque somente às esculturas, como se fossem joias raras. Na realidade, esta é a forma como a colecionadora as vê: preciosas representações da cultura popular.

 

Para Sérgio Reis, jornalista e crítico de arte, a coleção de Priscila Freire é um convite para se perceber como os artistas populares conseguem moldar, com engenho e emoção, imagens que brotam do coração de Minas Gerais.

 


Horário de Visitação no Centro de Arte Popular Cemig

Terças, quartas e sextas-feiras – 10h às 19h

Quintas-feiras – 12h às 21h

Sábados e domingos – 12h às 19h

Rua Gonçalves Dias 1608 - BH