Um Poema

 CaravaggioCaravaggio

Pés sujos de Tereza

              (Caravaggio)

 

Aprende o rosto que se mostra.

Mas Tereza tem os pés descalços e sujos.

 

Depois do humano estampado na tela,

conspiram contra ele os poderosos.

Atribuem à verticalidade das cenas projetadas,

afronta à nobreza encomendada.

 

Tereza responde aos inescrupulosos:

- a beleza mora nos pés sujos.

 

Respiro aliviada, embriagada

pelas migalhas de arte

nos pés sujos de Tereza

 

Alzira Maria Ribeiro Araújo

In: Pés sujos de Tereza (- primavera de trapos -) - Ed. Mosaico 2018