Um Livro

 

 

Livro: Deus, não sem nós

autor: Manuel Hurtado 

Editora: Edições Loyola

 

Deus, não sem nós, o título desta obra, mostra a radical determinação do ser de Deus para nós. Essa determinação geral e plural só é possível por uma determinação concreta e singular, a do ser de Deus por e para os “pobres da terra”. Deus é Deus como Deus dos pobres e não de outro modo, condição de possibilidade da determinação do ser de Deus a ser para todos nós. “A humanidade de Deus” nos permite refletir essa determinação do ser de Deus a ser para nós a partir de sua determinação a ser para os últimos da história. Deus não quer ser Deus sem nós, porque ele não quer ser Deus sem os pobres. Esta obra quer esboçar sit venia verbo os fundamentos de uma “teologia dos pobres”.


 

Se os pobres estão implicados na definição de Deus, apenas é possível pelas mediações que constituem a economia do ser trinitário de Deus: a identificação de Deus ao homem Jesus pela Encarnação e a identificação de Jesus aos pobres pela solidariedade histórica com eles. Dessas duas mediações resulta uma terceira: a identificação do próprio Deus aos pobres, que não se dá da mesma maneira que a primeira, mas continuamente em “superabundância”, “excesso”. Deus não é sem Jesus e ele não é sem os pobres. Esse “não-ser-sem” determina intrinsecamente o ser de Deus, mas de um modo diferente num caso e noutro.

 

Manuel Hurtado, jesuíta boliviano, nasceu em 1967. É doutor em teologia pelas Faculdades Jesuítas de Paris (Centre Sèvres) e professor de teologia sistemática na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (FAJE) em Belo Horizonte. Colabora também na Faculdade de Teologia da Universidade Católica Boliviana, em Cochabamba. Ministra o curso "Caminhos da Experiência espiritual e Mística" no Centro Loyola-BH.

 

Veja a apresentação do Livro, feita pelo autor:

 

 

{youtube}RRM1S_albRc{/youtube}

 

 

 

Equipe do site

01.10.2013