Um Livro

Frei Betto, Marcelo Gleiser e Waldemar Falcão

 

Rio de Janeiro, 2011, Editora Agir

 

Neste Livro o teólogo Frei Betto e o astrofísico Marcelo Gleiser conversam sobre a Fé e a Ciência, num diálogo mediado por Waldemar Falcão.

 

O livro escrito em forma de diálogos mantém uma linguagem leve e coloquial e nos aproxima dos interlocutores. Ao contrário do que se espera é difícil encontrar discordância ao longo do diálogo. Os argumentos são em geral complementares.

 

Marcelo Gleiser nos aproxima da ciência e de maneira simples nos faz ficar fascinados pelas descobertas atuais. Frei Betto mostra que fé e ciência não se opõe e que a fé precisa de conhecimento para se sustentar e destaca a importância da teologia. Ambos dizem que o fundamentalismo é a postura responsável por fazer o embate entre ciência e fé terminar em briga. “Nos precisamos baixar a bola, ter humildade; a falta de humildade leva ao fundamentalismo”, analisa Frei Betto.

 

Independente das convicções de cada um, em Conversa sobre a fé e a ciência, Frei Betto e Marcelo Gleiser, mostram que esses dois mundos podem, sim, dialogar. “Temos que desenvolver, por meio da ciência, a busca da verdade pelos caminhos da dúvida e a busca de Deus pelo caminho da tolerância”, pondera Frei Betto.

 

Marcelo Gleiser assim fala no último capítulo: “Aprendemos que somos feitos de poeira de estrelas, que estamos no cosmo e o universo está em nós. Para mim, essa união é profundamente espiritual e nos foi revelada pela ciência”.